Monday, 14 October 2013

Tutorial 1 - Tricotar de forma circular ("knitting in the round")


Tricotar de forma circular, em redondo ou em carreiras contínuas (knitting in the round, em inglês) permite-nos criar tubos de tricot. Muitas pessoas também preferem usar as agulhas circulares para tricotar carreiras normais (a direito) por causa da forma como as agulhas circulares distribuem o peso do trabalho, que não fica todo concentrado no fim das agulhas. Quando usamos agulhas circulares para tricotar carreiras normais, com direitas e avessas, não juntamos o trabalho.
As agulhas circulares têm diferentes comprimentos: o comprimento que escolher depende do número de malhas que a agulha consegue acomodar, bem como da amostra do trabalho: agulhas circulares que são demasiado compridas, farão com que o trabalho fique muito esticado. Haverá uma altura em que o seu tubo de tricot será demasiado pequeno para as suas agulhas circulares. Neste caso, poderá precisar de fazer o seu trabalho com Agulhas de Duas Pontas.
Outra característica do tricot circular é que o lado direito do trabalho está sempre virado para si. Isto significa que se está a trabalhar em ponto de jersey, irá tricotar todas as carreiras como meia.

 

Passo 1: Montar as malhas

Em primeiro lugar, precisa de montar ou apanhar as malhas para ter uma carreira inicial nas suas agulhas circulares, tal como faria se estivesse a tricotar normalmente.
Para preparar a junção, distribuía as malhas de forma a que estas não estejam torcidas. Neste exemplo, as malhas iniciais estão voltadas para o centro.



Passo 2: 

Agarre as agulhas de forma a que o ínicio da sua carreira de malhas esteja na sua mão esquerda e a última malha esteja na sua mão direita. Coloque um marcador na agulha da mão direita. Este marcador irá assinalar o fim/início de uma nova carreira.
Tenha cuidado para não torcer as malhas.


Passo 3:

Faça a primeira malha na agulha da esquerda como liga ou como meia, conforme desejado. Faça passar a malha na agulha da direita por cima do ponto feito na agulha da esquerda.
Puxe o fio para que não fique um buraco.

Passo 4: 

Continue a trabalhar as malhas. Na primeira carreira, será possivelmente necessário redistribuir, de forma equilibrada, as malhas pelas agulhas, para que não fiquem esticadas.

Passo 5:

Continue o trabalho até chegar ao marcador. Isto significa que a primeira carreira está feita. Passe o marcador para a agulha da direita e continue a trabalhar até atingir o número de carreiras desejado.





Dúvidas? Falem comigo nos comentários! :)

NOTA: Esta é uma tradução do tutorial original feito pelo site The Stitch Diva, que pode ser encontrado aqui (em inglês).






Há-de ser Natal - Gola em Tricot I

Há-de ser Natal e esta gola em tricot há-de ser uma prenda de Natal.

E entre todos os presentes de Natal em tricot, talvez não haverá nada mais fácil. Com a devida autorização da Naomi Adams (a designer original, cujo website pode ser encontrado aqui), deixo aqui a tradução do modelo da gola em tricot para português. O original, em inglês, pode ser encontrado aqui.

Gola rápida em tricot 

Materiais:

  • Fio para agulhas de 7/8 (bulky), 90-100 metros.
  • agulhas circulares de 9 mm.

Para começar:

  1. Monte 80 malhas e junte para trabalhar de forma circular e contínua.*
  2. Trabalhe 5 carreiras em ponto de canelado duplo (2 de meia, 2 de liga).
  3. Trabalhe 6 carreiras de meia.
  4. Trabalhe 5 carreiras em ponto de canelado duplo (2 de meia, 2 de liga).
  5. Trabalhe 6 carreiras de meia.
  6. Trabalhe 5 carreiras em ponto de canelado duplo (2 de meia, 2 de liga).
  7. Remate o trabalho, tendo o cuidado de não rematar de forma muito apertada.

Dimensões:

20 cm x 40 cm.

* Esta opção permite que o trabalho final não tenha costuras. Podem encontrar um tutorial sobre "knitting in the round", ou seja, "tricotar de forma circular e contínua", aqui.


Thursday, 10 October 2013

Bolas de Tons - o meu sítio preferido na Internet.

Os fios da Drops Garnstudio são o meu ponto fraco. E embora seja frequente encomendar fio do Ebay.co.uk e comprar algum por algumas lojas no Porto, a Bolas de Tons é o meu sítio de eleição. Ponto final. Os preços acessíveis, a oferta com um imenso bom gosto e a entrega super-rápida da encomenda nunca me desiludem. A qualidade dos fios é inegável, razão pela qual é a opção frequente para as roupas da Little A. Os últimos trabalhos incluem:

O macacão:

Drops Garnstudio BigFabel Print
Cor: 906 
Composição: 75% lã, 25% poliamida
Peso/Metragem: 100 g = cerca de 150 metros
Agulhas recomendadas: 4,5 - 5 mm
Tensão da amostra: 10 x 10 cm = 17 pontos x 22 carreiras
Pode ser comprado aqui.

O colete

Drops Garnstudio Nepal
Cor: 0517
Fio: 65% lã 35% alpaca
Peso/Metragem: 50 g = cerca de 75 metros
Agulhas recomendadas: 5 mm
Tensão da amostra: 10 x 10 cm = 17 pontos x 22 carreiras
Pode ser comprado aqui.

O quimono:

Drops Garnstudio Eskimo Tweed
Cor: 70
Composição: 100% lã
Peso/Metragem: 50 g = cerca de 50 metros
Agulhas recomendadas: 9 mm
Tensão da amostra: 10 x 10 cm = 10 pontos x 14 carreiras
Pode ser comprado aqui.

Destes, BigFabel Print foi o meu preferido, pois é de óptima qualidade e o trabalho final ficou muito bonito.


Monday, 7 October 2013

Fios durante a passeata

Hoje foi dia de passeata pela baixa e, inevitavelmente, de compras. Passei na Casa Rocha e aproveitei para trazer mais "stock" para as prendas de Natal.
A primeira compra foi este merino superwash (lavável na máquina) Morbidone, da Rial Filati (http://www.rialfilati.it/en), para agulhas de 4,5/5, com 180 metros/novelo.

A segunda foi um novelo deste fio novo da Katia (http://www.katia.com), chamado Cuzco, para agulhas de 5/5,5, com 90 metros/novelo. É composto por 53% de lã e 47% de acrílico e também é lavável na máquina.

Em conjunto, estes dois serão utilizados para um casaco do tipo raglan para a pequena anarquista cá de casa. Só preciso de me decidir sobre o modelo e, claro, terminar os (vários outros) projectos que tenho nas agulhas. Foi a uma promessa que fiz a mim própria hoje: só começas outra peça depois de terminares a que estas a fazer. Acho que não a vou conseguir manter, mas fica a boa vontade.